Loading

Santos Casais da Ferreira

policiario2016@gmail.com

A CAPOEIRA ESCAVACADA


Naquela época,antigamente, no passado, o desenvolvimento cientifico já era notório, e contribuía largamente para o bem-estar social.

Um individuo despertava na oligarquia aurífica uma embirração sem limite.

Convocado o Supremo Conselho da Purificação Genética Inter-Galáctica, foi o dito cujo, cercado, acorrentado, e forçado como escravo, a ser cobaia para testes de ADN, e outros que permitissem apurar, a raça que dera origem à criatura.

Fazia parte do testes, a estátua viva, em pé, num sítio que despertasse a atenção, de modo a que fosse incomodado.

As coisas teriam corrido bem, se o ser humano em questão não tivesse, por reparar, a capoeira, a capoeira de sua família, onde criava para sustento próprio gado avícola, .

A esposa do aprisionado ao dar pela sua ausência prolongada, foi prevenida por populares, que o tinham visto em tal sítio, assim e assim, e também “assado”.

Receando que o marido se sentisse, injustificadamente abandonado e fugisse, assim que pudesse, com alguma cortesã, ou se "amantizasse" com uma viúva rica, saiu à sua procura com o filho mais velho, praticante — curiosamente — de uma conhecida arte marcial brasileira.

Chegaram os dois. Estalara já um alarido, porque o seu esposo achando-se estafado, se sentara num degrau da gélida escadaria, violando as regras constituintes do teste.

Algazarra para aqui, tumulto para acolá, o teste foi interrompido, para depois, do conserto se efetuar.

Entretanto os resultados já obtidos eram significantes, compartilhara-se os dados com as galáxias vizinhas, com o fim de se saber as suas opiniões.

Mas foi necessário, (devido a um efeito colateral: o surgimento da inexplicável inquietude, subterrânea como uma toupeira), adiar os testes, para o próximo milénio.

A moção acabou por ser habilitada pelo Concílio de Segurança Inter-Galáctica, depois de ser levada a votos, o número de vezes necessário, para que assim que houvesse “quórum”, se aprovar por unanimidade.

Comemorando o acordo planetário, pôde o casal e seus filhos, alimentarem-se, amarem-se e dormirem descansados.



Santos Casais da Ferreira